Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal
EN PT

 

  

Programa de visitas

Datas: A definir em função da disponibilidade com, pelo menos, quatro semanas de antecedência
Local: Escola Superior de Enfermagem, Campus de Gualtar, Braga.
Contacto: great@ese.uminho.pt

Faça download do formulário e inscrição Aqui

 

1 - Step by Step
Público-alvo: Alunos do ensino básico e secundário; comunidade geral.
Participantes: 20 pessoas por atividade.
Descrição: A afetividade incorpora o nosso dia-a-dia. Sentimentos e emoções, tão presentes nesta faceta, implicam uma série de comportamentos que nos possibilitam ser e demonstrar aquilo que sentimos pelo Outro que se encontra perante nós. Esta atividade desenvolve-se no sentido de clarificar o conceito de afetividade, o que proporciona e a sua relação com a saúde – tanto a nível próprio como ao nível da relação com os outros. Será composta por duas partes: a primeira, em sala, um pouco mais expositiva e de autoconhecimento; e a segunda, que poderá ocorrer no exterior, de dinâmica individual e em grupo.

2 - Maximizar o bem-estar e potencial de desenvolvimento da criança e do jovem
Público-alvo: Alunos do ensino secundário
Participantes: 15 a 20 alunos.
Descrição: O espaço de intervenção do enfermeiro de saúde infantil e pediátrica acontece em torno de uma fase crucial do ciclo de vida, a qual compreende o período que vai desde o nascimento até aos 18 anos de idade. O Enfermeiro trabalha com a criança e com o jovem em qualquer contexto em que ela se encontre (seja em hospitais, centros de saúde, escola, creche, entre outros), a fim de promover o mais elevado estado de saúde possível e no sentido de remover barreiras e incorporar instrumentos de gestão da segurança da criança.
O Enfermeiro Especialista nesta área desenvolve uma prática muito centrada na família, reforçando, entre outros, o papel preponderante de capacitação dos pais para o exercício do seu papel parental, o papel de ser mãe ou ser pai. Desenvolve, igualmente, ações de educação e aconselhamento, assumindo-se como profissional de maior relevância na garantia de um crescimento e desenvolvimento infantil adequados. São áreas de atuação particular, a avaliação e promoção do crescimento e desenvolvimento da criança e do jovem, com orientação aos pais para a maximização do potencial de desenvolvimento infantil e a gestão do bem-estar da criança.
Neste sentido, pretendemos com esta atividade simular uma consulta de vigilância de saúde infantil e pediátrica, considerando as especificidades e as exigências de desenvolvimento da criança e do jovem.

3 – Nascer e Crescer: experiências extraordinárias I
Público-alvo: Alunos do 1º e 2º ciclo
Participantes: 10 a 20 alunos
Descrição: A atividade “Nascer e Crescer: experiências extraordinárias I” tem como principal finalidade contribuir para desmistificar alguns preconceitos sobre o nascimento e servir de introdução a temáticas relacionadas com a educação sexual nas escolas.

4 – Nascer e Crescer: experiências extraordinárias II
Público-alvo: Alunos do 3º ciclo e do ensino secundário
Participantes: 10 a 20 alunos
Descrição: A atividade “Nascer e Crescer: experiências extraordinárias II” tem como principal finalidade proporcionar um espaço de informação aos jovens para esclarecimento e debate de questões relacionadas com a sexualidade e a atividade sexual seguras.

5 – Primeiros Socorros
Público-alvo: alunos do 2º e 3º ciclo.
Participantes: 10 a 20 alunos
Descrição: Esta formação tem como finalidade contribuir para a capacitação dos participantes através de conhecimentos básicos que lhes permitam, em situação de acidente, intervir eficazmente mediante ações que possibilitem estabilizar e/ou melhorar o estado da vítima.

6 – Suporte Básico de Vida
Público-alvo: Alunos do ensino secundário
Participantes: 10 a 20 alunos
Descrição: Esta formação visa dotar os participantes de conhecimentos e competências básicas que garantam a capacidade de intervir corretamente e em tempo útil no auxílio a vítimas em situação de doença súbita, de acidente e no reconhecimento de situações de paragem cardiorrespiratório em contexto extra hospitalar.

7 - Relaxar e sonhar - a imagética como técnica terapêutica
Público-alvo: alunos do ensino secundário.
Participantes: 10 a 20 alunos
Descrição: A imaginação permite-nos manipular o mundo, ultrapassar fronteiras, criar, voar...sonhar! Quem não gosta de imaginar, quem não gosta de sonhar?! A atividade visa proporcionar o relaxamento físico e mental, através da associação de imagem agradáveis e sons suaves, que permitam gerir o stress diário. A imaginação permite-nos manipular o mundo, ultrapassar fronteiras, criar, voar...sonhar! Quem não gosta de imaginar, quem não gosta de sonhar?! A atividade visa proporcionar o relaxamento físico e mental, através da associação de imagem agradáveis e sons suaves, que permitam gerir o stress diário.

8 – Alimentação sustentável e saudável ao longo da vida
Público-alvo: Alunos do 2º ciclo
Participante:s 20 alunos
Descrição: A promoção de estilos de vida saudáveis, em particular da alimentação saudável, é uma necessidade incontornável. Sabe-se que as intervenções educacionais em crianças constituem oportunidades para que estas adquiram hábitos alimentares saudáveis e com a possibilidade de se manterem até à vida adulta. Com esta atividade, será possível analisar os determinantes de saúde e identificar estratégias de adoção de uma alimentação inteligente e sustentável.